Histórias que nos Inspiram - Izildo Ferreira Borges Filho

Desde que começou como office boy na Estapar, há 26 anos, o paulistano Izildo Ferreira Borges Filho vem construindo uma grande história dentro da empresa. Mas a trajetória de vida do nosso gerente de Operações, cargo que ocupa hoje na companhia, foi recheado de privações e desafios. 

A começar na infância. Na época, separada e muito jovem, a mãe de Izildo precisou da ajuda da avó, caseira em um sítio no interior de São Paulo. Foi quando toda a família mudou-se para um casebre de pau a pique, no meio do mato. "Eu e meus três irmãos morávamos escondidos, sem nenhum conforto e segurança, para que a proprietária não nos visse e despeja-se a todos", lembra Izildo.

A mudança veio em meados de 1987, quando a mãe de Izildo conheceu os donos de um orfanato em São Paulo, a Casa da Criança Feliz. Ela foi trabalhar no local e levou toda a família. "Fiquei feliz da vida. Tinha mais de 50 'irmãos', frequentava escola pública com acompanhamento de cuidadoras e nunca mais passei necessidade. E de quebra, ainda conheci minha esposa, com quem estou desde 1995", comemora.

Com a chegada da adolescência, Izildo sentiu a necessidade de ganhar seu próprio dinheiro. "As responsabilidades foram aparecendo e queria ter minhas coisas. Foi então que arrumei uma vaga como estoquista num supermercado". E não demorou muito para que sua grande chance surgisse, aos 15 anos, na Estapar.

Na companhia, Izildo passou logo de office boy para o cargo de auxiliar da Controladoria. Depois, analista de Fiscalização, supervisor de Garagem, supervisor de Operações e coordenador de Operações, até chegar ao cargo atual.  E os frutos deste trabalho, conta-nos orgulhoso: “hoje tenho um lar, uma família linda e ainda consegui ajudar minha mãe, construindo uma casa para ela"!

Graduado em Gestão Financeira, foi dentro de casa que Izildo passou por outro desafio. Portador de Síndrome de Down, um de seus dois filhos teve que passar por três cirurgias e deu tudo certo. "Confesso que no começo me assustei, mas o Gabriel é tudo que Deus podia me proporcionar. Meu maior amor".


Sobre o futuro, ele espera continuar vencendo obstáculos e prosperando ainda mais. "Quero ajudar outras pessoas que passam por dificuldades na vida como eu passei". Nós, da Estapar, temos a certeza que você vai conseguir, Izildo!